Agualusa no programa Roda Viva

José Eduardo Agualusa será o entrevistado de hoje de Marília Gabriela e cia. no programa Roda Viva da TV Cultura, às 22h. A mesa será formada ainda pelos jornalistas Augusto Nunes e Paulo Moreira Leite, a editora adjunta do caderno Ilustrada Francesca Angiolillo e a repórter do caderno Sabástico Raquel Cozer.

José Eduardo AgualusaExpoente da literatura angolana, Agualusa vem sendo reconhecido também mundialmente nos últimos anos. Em 2007, o autor tornou-se o primeiro escritor africano a receber Prémio Independente de Ficção Estrangeira, promovido pelo diário britânico The Independent, com o livro O Vendedor de Passados.

Curiosamente, Marília Gabriela estrelou um monólogo teatral escrito por Agualusa, chamado Aquela Mulher, que ainda teve a direção de Antônio Fagundes. A peça foi encenada em São Paulo (2008) e no Rio de Janeiro (2009).

Traduzido em mais de 20 idiomas, Agualusa tem entre seus maiores sucessos os livros O Vendedor de Passados (Gryphus, 2004), que conta a história de um albino que prepara e vende árvores genealógicas — uma crítica do autor à burguesia angolana; e o livro As Mulheres do Meu Pai (Língua Geral, 2007), sobre uma filha que tenta reconstruir a vida do pai, um famoso compositor angolano que morreu e deixou 7 viúvas e 18 filhos, passando por diversos países da África, explorando locais urbanos, diferentemente do que se costuma encontrar em livros que se passam nesse continente.

Agualusa ainda escreveu peças teatrais, como a já citada Aquela Mulher, Geração W e, ainda, o autor fez uma parceria muito interessante com o moçambicano Mia Couto na peça Chovem amores na Rua do Matador, encenada em 2010 no FESTLIP.

Em breve, os vídeos da entrevista ao Roda Viva aqui no Literatura no Brasil.

Primeira parte:

Deixe seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


*